Enviar Matéria por e-mail  mail   Versão para impressãoprint2 aumentar diminui
jp
HomeQuem somosNotas SintéticasAnuncieAssinaturaMercado SintéticoExpoplast Edições Anteriores


Dicas para o transformador” – Artigo nº 2
paulo
Pedro Paulo Lanetzki*
Racionalidade no sequenciamento da produção leva ao aumento da produtividade e lucratividade das extrusoras de filmes flexíveis

A exemplo de outros setores fabris, o segmento de filmes flexíveis possui algumas particularidades que podem provocar sérios problemas no bom desempenho de seu processo produtivo, mas que uma vez resolvidas, permitem a indústria, se não eliminar, pelo menos minimizar os tempos inativos de seu chão de fábrica e, com isso, se diferenciar em relação a concorrência.

O problema que se apresenta é o de diminuir os tempos de limpeza dos canhões das extrusoras, o consumo de materiais expurgados e os tempos de ajustes de máquinas e equipamentos, através da elaboração de um sequenciamento da produção que se mostre racional e efetivamente funcional.

Caso

A não existência de metodologias e soluções que permitam um planejamento efetivo do chão de fábrica e que redundem na otimização do sequenciamento da produção, de forma a se ter a máxima utilização dos recursos, é o problema enfrentado pelo setor.

O transformador necessita de soluções suficientemente ágeis, que permitam gerar novos cenários de planejamento da carga de máquinas, tão logo hajam mudanças das variáveis envolvidas, quer sejam elas relacionadas aos setores produtivos ou não.

Mudanças na previsão de vendas, problemas com abastecimento de materiais, paradas de máquinas e equipamentos, alterações de prioridades na produção, são alguns dentre muitos outros fatores, que podem tornar obsoleto um estudo a pouco concluído, caso não se tenha a necessária agilidade de resposta.

Realizou-se um estudo em uma empresa da área, ficando constatada que a dinâmica presente na emissão de novos pedidos de venda e mesmo na alteração daqueles já colocados (figura 1), não é acompanhada com a mesma velocidade com que é elaborado e atualizado o planejamento da fábrica, a mais e principalmente de não haver otimização da grade dos diâmetros do balão ou largura dos filmes, da grade de cores, além daquela associada às espessuras dos filmes envolvidos; a figura 2 ilustra a carga de extrusoras que não obedece uma seqüência ideal de produção, face as restrições estabelecidas.

 
 
 
 

 


Definições

Objetivando reduzir os tempos de limpeza e ajustes das máquinas, bem como minimizar as quantidades de materiais expurgados, foi desenvolvida uma metodologia de planejamento e programação, visando elaborar a carga das extrusoras, de uma forma racional, envolvendo principalmente o sequenciamento das ordens de produção, onde levou-se em consideração as restrições impostas.

Metodologia

É pesquisada para cada ordem de produção, associada a um dado tipo de material, quais são as extrusoras tecnicamente capacitadas para executá-la e, dentre estas, definir aquela que se apresenta mais econômica ou mais rápida (atentar que a extrusora que ontem era a melhor solução de execução de uma dada tarefa, face a tudo que pode ter ocorrido no chão de fábrica, hoje pode não ser a melhor alternativa; cabe a solução então, pesquisar e definir uma nova máquina que se apresente em melhores condições de execução).

Parte-se então para um primeiro sequenciamento das ordens de produção, as quais devem ser ordenadas, obedecendo à grade formada pelos diâmetros do balão ou largura de cada um dos filmes envolvidos, uma vez definido qual é o tipo de material a ser alocado em cada extrusora.
Esta grade pode ser iniciada pelos menores diâmetros do balão ou pelas menores larguras dos filmes e, progressivamente, ir atingindo os patamares maiores (lembrar que o inverso também é válido); isto permite reduzir o número de ajustes necessários das extrusoras, bem como agilizar a passagem de um estágio para outro.

Uma vez definido o sequenciamento dos diâmetros do balão ou larguras dos filmes, parte-se então para uma segunda ordenação das ordens de produção, as quais devem ser seqüenciadas em cada um dos diâmetros, obedecendo à grade formada pela composição das cores de cada um dos filmes.

Esta grade deve iniciar pelas cores de tons mais suaves (claras) e terminar pelos tons mais intensos (escuros); isto permite redução dos tempos de limpeza do canhão da máquina e da quantidade de material expurgado.

Em seguida, parte-se para um terceiro sequenciamento das ordens de produção, as quais necessitam ser novamente reordenadas, dentro de cada padrão de cor, obedecendo à grade formada pela espessura dos filmes.

Esta grade, por sua vez, deve ser formada por uma ordem ascendente de espessura dos filmes e estar combinada ou não, por uma ordem descendente; isto permite redução dos tempos de ajustes das extrusoras.

Atentar que a solução deve dar ampla liberdade ao usuário de simular as várias combinações de restrições possíveis, de forma a se poder optar, por aquela que melhor lhe convier.

Utilizando-se dos conceitos expostos, o sequenciamento das ordens de produção, bem como a carga de máquinas, passa a ter a configuração ilustrada na figura 3. Este estudo é tanto mais complexo quanto maior for o número de variáveis envolvidas.

 
 



Otimização da produtividade e lucratividade

O aumento da produtividade e lucratividade não é só decorrência da redução dos tempos de limpeza dos canhões das extrusoras, de seus tempos de ajustes e da quantidade de material expurgado, mas também da utilização dos roteiros de fabricação que se apresentam mais econômicos e de melhores prazos.

De uma maneira geral, a indústria possui máquinas e equipamentos com características e desempenhos diferentes; cabe pesquisar todas as alternativas de produção existentes e realizar a otimização dos recursos disponíveis, de forma a se ter o máximo retorno possível.

Pedro Paulo Lanetzki
pedro@netzinformatica.com.br
www.netzinformatica.com.br

.

*Engenheiro Industrial de Produção pela FEI; atuação na área de Gerenciamento de projetos em empresas do ramo automobilístico e construção civil;especialista no desenvolvimento de simuladores e soluções diferenciadas para administração do chão de fábrica;Diretor da Netz Soluções Industriais.

Matéria Anterior  

 

 
Google
 
Pesquise www Pesquise o JORNAL DE PLÁSTICOS
Jornal de Plásticos Online, o site mais completo sobre plástico do Brasil.
E-mail: jorplast@jorplast.com.br