CBIP - Curso Básico Intensivo de Plásticos

Quem Somos

JORNAL DE PLÁSTICOSpublicação especializada, pioneira na América Latina, com atividade ininterrupta; foi fundado em São Paulo, SP, no dia 09/07/1956 pelo jornalista Ataliba Belleza Chagas.

Dentre as iniciativas marcantes do JP, ao longo dos seus 60 anos de existência, encontra-se o CBIP – Curso Básico Intensivo de Plásticos (há 20 anos em atividade), curso à distância (EaD) de capacitação em plásticos, pioneiro também na América Latina.

O JP, sempre na vanguarda do momento, desde 1997, obteve seu endereço eletrônico www.jornaldeplasticos.com.br , com extrema visibilidade. Mais recentemente foi agregada outraferramentana divulgação e promoção do setores petroquímico/plástico: o blog“Plásticos em Foco, que tem por objetivo ser mais ágil e imediato na comunicação de notícias desses setores.

Jornal de Plásticos Edição 01
Clique na imagem acima e leia as palavras transcritas da primeira página da edição número 1 do Jornal de Plásticos de julho de 1956, as palavras do jornalista Ataliba Belleza Chagas, seu Diretor Fundador, permanecem atuais.

Quando o JORNAL DE PLÁSTICOS foi fundado, em 1956, havia aproximadamente 300 empresas transformadoras de plástico no Brasil. Hoje, esse número ultrapassa 11.000. Temos plena consciência de que esse aumento de número de indústrias deveu-se, ao menos em parte, justamente ao trabalho do JP como um importante veículo de difusão e comunicação (inicialmente impresso e, agora, on-line).

Da mesma forma, os setores Petroquímico e de Máquinas e Equipamentos para a indústria plástica, praticamente inexistentes no início da atividade do JP, têm tido sua história relatada e seus produtos divulgados através de centenas de suas edições ao longo desses 60 anos.

Desde 1979, o JORNAL DE PLÁSTICOS está situado no Estado do Rio de Janeiro, estado esse que possui relevância para o setor com a presença, dentre outras empresas, do Pólo Gás Químico de Duque de Caxias e da sede da Petrobrás.

O JORNAL DE PLÁSTICOS conta, atualmente, na sua direção com o engº qmico Ângelo Roberto Sardinha Chagas e sua irmã, a psicóloga Marta Maria Sardinha Chagas.